Friday, October 28, 2005

honestamente

Recebi um e mail que demonstra um bocadinho do que nós, latinos, pensamos sobre a nossa maneira de ser.

O e mail dizia mais ou menos o seguinte:

A ONU decidiu realizar um debate sobre a fome. Para tanto, enviou uma mensagem pedindo que todos "respondessem, por favor, honestamente sobre a questão da escassez de comida nos seus países."

A mensagem causou uma enorme confusão. Os holandeses, por mais que pensassem, não conseguiam descobrir o significado da palavra "escassez". Os franceses desconheciam totalmente o conteúdo da expressão "por favor". Os africanos tinham dúvidas sobre o que era aquela coisa chamada "comida".

Mas o pior aconteceu no Brasil, na Espanha, na Itália e em Portugal. Dois meses depois, mesmo após imensos debates nos seus parlamentos, jornais e televisões, ninguém conseguia perceber o que a ONU queria dizer com a palavra "honestamente"

6 Comments:

Blogger _Faceless_ said...

Curto, forte e incisivo.

5:20 AM

 
Blogger António_Pinto_de_Mesquita said...

Adorei a inclusão de espanha nesse texto.
A verade é que não está muito longe da verdade.

8:36 AM

 
Blogger Roberto Iza Valdés said...

This comment has been removed by a blog administrator.

10:01 AM

 
Blogger Ary Nelson said...

Hehehe essa é velhinha mas diz muito acerta de nós...

Você não tem essa coisa de achar que Brasil e Portugal só diferem no tamanho? Eu penso e vejo sempre isso, no dia a dia, no jeitinho que o consulado me dá quando eu consigo qq coisa sem enfrentar fila, até ao nacional porreirismo do sr. agente da polícia que finge que não me viu na faxia do bus...

hehehe, honestamente...

1:05 AM

 
Blogger António_Pinto_de_Mesquita said...

só falta mesmo a boa disposição que se encontra tanto no Brasil!

4:35 AM

 
Blogger Unknown said...

This comment has been removed by the author.

9:53 AM

 

Post a Comment

<< Home